Diabetes: uma epidemia mundial que precisa ser contida

Só no Brasil, a Sociedade Brasileira de Diabetes estima que 14 milhões de pessoas são diabéticos. No mundo, esta estimativa ultrapassava 425 milhões, já sendo considerada uma epidemia pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Mas o pior prognóstico destas estatísticas é que entre os brasileiros, 1 em cada 2 pessoas não está diagnosticada, assim, não muda hábitos nem cuida dos efeitos da doença. O dia 14 de novembro é o Dia Muncial de Diabetes que visa justamente chamar a atenção para esta doença silenciosa que precisa ser contida, com o foco na prevenção e diagnóstico precoce.

O que é?

Trata-se de um distúrbio metabólico que acarreta altos níveis de glicose no sangue. Surge pela falta de insulina ou por uma incapacidade das células de reconhecer este hormônio. Pode causar complicações aos rins, olhos e vasos sanguíneos.

Tipos

  • Diabetes Tipo 1: Ocorre em cerca de 5 a 10% dos pacientes. Neste tipo, o pâncreas deixa de produzir insulina, causando um aumento súbito de açúcar no sangue.
  • Diabetes Tipo 2: Verificado em 90% dos casos. Neste tipo há uma redução na produção de insulina e um defeito na sua ação, causando aumento progressivo do açúcar no sangue.

Sintomas

  • Diabetes Tipo 1

    Diabetes Tipo 2

    ·         Fome frequente

    ·         Sede constante

    ·         Perda de peso

    ·         Fraqueza

    ·         Fadiga

    ·         Mudanças de humor

    ·         Náusea e vômito

    ·         Infecções frequentes

    ·         Visão embaçada

    ·         Cicatrização lenta

    ·         Formigamento dos pés

    ·         Furúnculos

     

Níveis Saudáveis

O nível de glicemia (açúcar) considerado normal é inferior a 100 mg/dl.

Pacientes com diabetes tipo 2 não tratada apresentam nível de glicose no sangue em jejum superior a 125 mg/dl.

Possíveis complicações

O mau controle de diabetes pode afetar o organismo de diferentes formas, causando:

  • Problema nos olhos
  • Pé diabético
  • Insuficiência renal
  • Neuropatias
  • Infarto
  • Hipertensão
  • AVC

Tratamento

Além da aplicação de insulina, o controle do diabetes é feito adotando-se um estilo de vida saudável, que inclua:

  • Atividades físicas
  • Controle da dieta
  • Redução do consumo de álcool
  • Controle do estresse
  • Parar de fumar
  • Verificar insulina

Como Chegar Marker

Urgência, emergência,
atendimento ambulatorial e visitas a unidades fechadas (utis)

Rua Vicente Beghelli, 315

pacientes internados, visitantes e acompanhantes

Avenida Presidente Itamar Franco
(antiga Av. Independência), 4000

fornecedores e entregas

Rua Antônio Marinho Saraiva, s/n

Heliponto

Latitude: 21º 46' 862" Sul
Longitude: 043º 21' 887" Oeste

Copyright © 2004 Hospital Monte Sinai. Todos os direitos reservados. Endereço: Av. Presidente Itamar Franco 4000, Cascatinha - Juiz de Fora/ MG CEP: 36033-318 / Telefone: (32) 2104-4455 / (32) 2104-4000

Quality Safaty - Hospital Monte Sinai
Desenvolvido por: Logohandcom2