Hemodinâmica do Monte Sinai é primeira de Minas a implantar a prótese de Watchman para oclusão de auriculeta esquerda

Unindo duas especialidades do Serviço de Hemodinâmica do Monte Sinai, o cardiologista intervencionista Gustavo Ramalho e a eletrofisiologista Ana Claudia Venancio realizaram, recentemente, o primeiro implante de prótese Watchman em Minas Gerais para oclusão de auriculeta esquerda. O procedimento trata pacientes com fibrilação atrial que não podem usar anticoagulante e é mais um avanço no tratamento de doenças cardíacas estruturais. O Serviço contou com o apoio do cardiologista intervencionista venezuelano Luis Cressa que atua buscando disseminar esta nova técnica pelo mundo. 
A fibrilação atrial é a arritmia cardíaca mais frequente e aumenta em cincovezes o risco cardiovascular, principalmente de acidente vascular cerebral (AVC). Os coágulos que surgem durante a fibrilação atrial, têm a sua maior incidência na região da auriculeta esquerda. Mais de 90% desses coágulos podem ser reduzidos, uma vez que se utilize alguma técnica para oclusão da auriculeta. Os oclusores (próteses) vêm justamente preencher esta lacuna nos pacientes que não podem usar anticoagulante e que ficam sujeitos à formação de trombos na auriculeta e, consequentemente, expostos aAVCs. 
A prótese Wacthman tem a aparência de um paraquedas e é introduzida dentro desta região do átrio, que é parecida com uma orelha.O procedimento de implante da prótese é feito com a sua introdução via uma bainha longa, pela veia da perna,como se fosse um cateterismo para angioplastia, ou umaablação para fibrilação atrial, com acesso até o átrio esquerdo, onde é liberada dentro da auriculeta, aberta, e se fixa na parede, impedindo a saída dos trombos daí para a frente. 
A princípio, a técnica está indicada para pacientes que apresentam contraindicação para anticoagulação, ou que tem o AVC mesmo com uso da medicação. Esta patologia, fibrilação atrial, está em franco crescimento, já que está ligada diretamente à longevidade da população. Uma grande porcentagem dos pacientes em que,inicialmente é tentada terapêutica com o anticoagulante, acabam não podendo fazer a manutenção da droga. A oclusão com implante da prótese é uma alternativa eficiente a este tratamento. 
Há outros modelos de prótese com o mesmo objetivo, mas a Watchman que é nova no Brasil, registra pouco mais de 90 destes implantes em todo o país. Ela é uma melhoria, uma modernização destes dispositivos, com tendência a evoluir aindamais. E como técnica, a oclusão com próteses já émuito disseminada na Europa e, com o tempo, deve ser referenciada no Brasil pela eficácia do procedimento que já apresenta ótimos resultados estatísticos na redução de mortalidade e de AVCs para pacientes com indicação específica. 


 

Evento para cardiologistas – Como já é tradicional no Serviço de Hemodinâmica para disseminar técnicas inovadoras e de eficácia comprovada, foi realizado no dia 16 de agosto um Jantar Científico para cardiologistas da região. O diretor do serviço de Cardiologia Intervencionista do Hospital São Camilo (SP), Ricardo Cavalcante e Silvafoi o convidado do encontro e realizou palestra com o tema "Fechamento percutâneo do apêndice atrial esquerdo – estado da arte".

         

 

Como Chegar Marker

Urgência, emergência,
atendimento ambulatorial e visitas a unidades fechadas (utis)

Rua Vicente Beghelli, 315

pacientes internados, visitantes e acompanhantes

Avenida Presidente Itamar Franco
(antiga Av. Independência), 4000

fornecedores e entregas

Rua Antônio Marinho Saraiva, s/n

Heliponto

Latitude: 21º 46' 862" Sul
Longitude: 043º 21' 887" Oeste

Copyright © 2004 Hospital Monte Sinai. Todos os direitos reservados. Endereço: Av. Presidente Itamar Franco 4000, Cascatinha - Juiz de Fora/ MG CEP: 36033-318 / Telefone: (32) 2104-4455 / (32) 2104-4000

Quality Safaty - Hospital Monte Sinai
Desenvolvido por: Logohandcom2