Monte Sinai realiza drenagem de líquor para evitar risco de paraplegia

O Serviço de Hemodinâmica do Hospital Monte Sinai realizou um procedimento de alta complexidade para o tratamento de um extenso aneurisma da aorta torácica, de forma minimamente invasiva. A técnica utilizada (endoprótese) faz o implante de uma prótese no interior da artéria doente, através de uma pequena incisão na virilha. O maior risco desta intervenção é a paraplegia. O percentual chega a 12%, caso as técnicas de proteção não sejam empregadas.

Com uma atuação coordenada entre a equipe de cirurgia vascular e a de anestesia, foi realizada, então, a drenagem do líquor do paciente. Antes da anestesia geral, foi introduzido um delicado cateter próximo à medula espinhal, por meio de uma punção similar a realizada em uma raquianestesia. O cateter é usado para drenar continuamente o líquor, durante as 48 horas seguintes ao procedimento cirúrgico.

O cirurgião vascular Luiz Lanziotti Azevedo explica que a drenagem do líquor reduz a pressão ao redor da medula, favorecendo o aporte de sangue para a região, através das artérias colaterais, que não foram obstruídas pelo implante da endoprótese. Outras medidas de proteção foram tomadas para prevenir a paraplegia no pós-operatório e contribuíram para que o paciente - idoso e portador de outras doenças graves associadas, entre elas a Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) - voltasse para casa quatro dias depois da cirurgia.

Procedimentos de alta complexidade como este, realizados de forma coordenada e incluindo grau máximo de segurança contra as possíveis complicações são realizados em raros centros de São Paulo e do Rio de Janeiro. "Isto só é possível graças ao nível de excelência dos equipamentos de última geração do setor de Hemodinâmica e do corpo clínico de anestesia, sempre aberto a melhorias e inovações, graças à presença de uma filosofia não só assistencial, mas também do posicionamento do hospital como centro de formação profissional", ressalta Lanziotti.

Como Chegar Marker

Urgência, emergência,
atendimento ambulatorial e visitas a unidades fechadas (utis)

Rua Vicente Beghelli, 315

pacientes internados, visitantes e acompanhantes

Avenida Presidente Itamar Franco
(antiga Av. Independência), 4000

fornecedores e entregas

Rua Antônio Marinho Saraiva, s/n

Heliponto

Latitude: 21º 46' 862" Sul
Longitude: 043º 21' 887" Oeste

Copyright © 2004 Hospital Monte Sinai. Todos os direitos reservados. Endereço: Av. Presidente Itamar Franco 4000, Cascatinha - Juiz de Fora/ MG CEP: 36033-318 / Telefone: (32) 2104-4455 / (32) 2104-4000

Quality Safaty - Hospital Monte Sinai
Desenvolvido por: Logohandcom2