Paixão pelas alturas

A paixão do urologista infantil, José Murillo Bastos Neto, é o montanhismo. Este ano ele trabalha para recuperar o condicionamento e pretende fazer as escaladas por aqui (pelo Brasil), quer fazer travessia Petrópolis-Teresópolis e talvez o Pico da Bandeira e Itatiaia, no Pico Agulhas Negras, novamente. Mas ele narra com entusiasmo suas experiências no Everest e, a última, no Peru.

José Murillo conta que desde adolescente gosta da vida out door, "sempre frequentei Ibitipoca, Mauá, Itatiaia, ainda enquanto estudante de Medicina". Ele divide a paixão com o amigo, também médico, Emerson Oliveira de Andrade, otorrinolaringologista, com quem compartilha as aventuras há vários anos.

Para aguentar o ritmo e ganhar condicionamento, inclusive para o trabalho, o urologista conta que começou a correr em 2010, mas focado no montanhismo, pois seu objetivo era fazer o Everest, onde esteve no ano seguinte para o acampamento base de 12 dias de mochila na trilha, chegando a 5.200m de altitude. No Brasil, já escalou o Pico da Bandeira algumas vezes, esteve Pedra do Açu, na Serra dos Órgãos, em Petrópolis sempre, e ano passado foi para o Peru, para a Cordilheira Blanca - a geleira é parte do circuito de aventuras da Cordilheira dos Andes, bem no centro do Peru, fora do eixo mais conhecido de Cuzco-Machu Pichu. "Foram dois dias de aclimatação, período em que também fiz um curso de escalada em gelo e, depois, foram mais quatro dias de mochila e acampamento, a 4.750m de altitude".

Mas, ano passado, treinando para meia maratona da Caixa no Rio, teve uma fratura de stress na tíbiae precisou de grande período de repouso. Agora, recarregando as baterias, José Murillo está voltando a treinar para recuperar o condicionamento. Isso por que desacelerar não está em seus planos ainda.

Com uma rotina na Medicina de 12 horas por dia, ele acorda às 5h e treina sempre antes do trabalho, de segunda a sexta de 6h às 7h, no final de semana,pedala "no horário que dá". No Monte Sinai ele concentra 90% de sua agenda de cirurgias, onde opera todas as semanas. Ele também está envolvido com pesquisas na sua área na UFJF e na Suprema,sendo professor nas duas instituições, e no HMTJ (hospital escola da Suprema) também monitora a residência de urologia. Além do consultório, diariamente. "Para mim é uma válvula de escape, especialmente o treinamento, pois ganho energia para trabalhar, para enfrentar o dia a dia. Eu descanso, correndo", afirma.

Amigos contam que José Murillo também faz mergulho, mas ele não contou desta parte de suas aventuras, por enquanto. O médico garante que gosta mesmo é de montanha, trekking, acampar... Porém, entre os projetos deste ano ainda revela que quer fazer uma viagem de sete dias de bicicleta pela Europa, caso consiga participar do congresso europeu de sua especialidade no segundo semestre. "E em tudo isso que eu faço, aproveito para desenvolver outro hobby pelo qual também sou apaixonado, a fotografia", completa.

Ufa!...

Como Chegar Marker

Urgência, emergência,
atendimento ambulatorial e visitas a unidades fechadas (utis)

Rua Vicente Beghelli, 315

pacientes internados, visitantes e acompanhantes

Avenida Presidente Itamar Franco
(antiga Av. Independência), 4000

fornecedores e entregas

Rua Antônio Marinho Saraiva, s/n

Heliponto

Latitude: 21º 46' 862" Sul
Longitude: 043º 21' 887" Oeste

Copyright © 2004 Hospital Monte Sinai. Todos os direitos reservados. Endereço: Av. Presidente Itamar Franco 4000, Cascatinha - Juiz de Fora/ MG CEP: 36033-318 / Telefone: (32) 2104-4455 / (32) 2104-4000

Quality Safaty - Hospital Monte Sinai
Desenvolvido por: Logohandcom2