CME: o coração do Hospital

A Central de Materiais Esterilizados do Monte Sinai, localizada no térreo do Hospital, possui estrutura ampla ocupando 192 m² e atua com foco na segurança do paciente. O ponto forte do setor é o fato de que, desde 2010, quando foi inaugurado o novo espaço, ele já atendia às determinações da nova resolução da Anvisa (RDC 15), antes mesmo desta entrar em vigor.

Hoje, a equipe soma 16 funcionários e enfermeiro exclusivo, com quadro adequado ao porte do hospital. Funciona 24 horas para a realização da limpeza de todo o processo e esterilização de artigos odontomédicos hospitalares utilizados nos mais de 200 leitos do Monte Sinai, nas unidades fechadas e nas salas de cirurgia. O projeto foi desenvolvido por um arquiteto especializado em estrutura hospitalar, mas com participação direta do enfermeiro do setor, para que tudo fosse feito dentro das normas, reduzindo a recontaminação de materiais. A CME tem duas entradas: uma para a área "limpa" e a outra para a "suja", eliminando qualquer possibilidade de contaminação. Pequenos detalhes que conferem grandes resultados também não foram esquecidos, como piso especial, eliminação de quinas no mesmo e todas as torneiras são acionadas por pedal. Os funcionários do setor também passaram por treinamento para que o fluxo de tráfego dos materiais seja o mais adequado ao resultado proposto.

A CME possui controle de temperatura e umidade, processo bem controlado de teste microbiológico e fluxo unidirecional. O material entra “sujo” (contaminado), passa por uma etapa de descontaminação, entra em outra área de separação dos materiais e secagem – onde é feita a verificação efetiva da limpeza - e, posteriormente, os kits são montados, embalados e esterilizados. Possui duas autoclaves de 530 litros e uma de 100 litros, a vapor. Em 2014, o setor adquiriu uma máquina de tecnologia nova que faz a esterilização através de peróxido de hidrogênio, evitando que esta etapa do processo continuasse a ser terceirizado para outra empresa. A novidade amplia ainda mais a segurança para a equipe de cirurgia e para o paciente.

CME: Processo que garante segurança

Outro grande diferencial da CME do Monte Sinai é a rastreabilidade do material, que funciona de forma manual, porém faz com que o setor consiga mostrar para o paciente e para o cirurgião todas as etapas do procedimento: como foi feita a limpeza, que produto foi utilizado, todos os resultados microbiológicos e os indicadores químicos de processo de todos os materiais. Além disso, os equipamentos passam por validação anual e manutenções preventivas mensais. O hospital está em busca de um software que possa atendê-lo para fazer o processo de rastreabilidade de forma informatizada. 

  • Funcionamento: 24 horas
  • Telefone: (32) 2104-4455

Como Chegar Marker

Urgência, emergência,
atendimento ambulatorial e visitas a unidades fechadas (utis)

Rua Vicente Beghelli, 315

pacientes internados, visitantes e acompanhantes

Avenida Presidente Itamar Franco
(antiga Av. Independência), 4000

fornecedores e entregas

Rua Antônio Marinho Saraiva, s/n

Heliponto

Latitude: 21º 46' 862" Sul
Longitude: 043º 21' 887" Oeste

Copyright © 2004 Hospital Monte Sinai. Todos os direitos reservados. Endereço: Av. Presidente Itamar Franco 4000, Cascatinha - Juiz de Fora/ MG CEP: 36033-318 / Telefone: (32) 2104-4455 / (32) 2104-4000

Quality Safaty - Hospital Monte Sinai
Desenvolvido por: Logohandcom2