Referência na Região

Leave a Comment

Certificações de qualidade podem ser definidam como um pareceres positivos dados por uma entidade independente (certificadoras) Esta entidade irá aprovar o Sistema de Gestão da Qualidade da empresa alvo avaliando-a segundo as especificações de normas ou padronizações de qualidade de determinados setores.Na área da saúde, a avaliação da qualidade dos serviços é fundamental, especialmente como referência para os pacientes, que buscam as melhores opções de tratamento e cuidados.

Acreditação Internacional 

O Hospital Monte Sinai tem Acreditação Internacional pela National Integrated Accreditation for Healthcare Organizations (NIAHO), renovadas desde 2011. Esta metodologia de acreditação é adotada pelo governo dos Estados Unidos e formalmente reconhecida pelo Centers for Medicare and Medicaid (CMS) para certificar e homologar os hospitais aptos a fazerem parte do sistema de saúde americano. A norma NIAHO é focada na gestão de riscos, com grande enfoque na segurança e na assistência ao paciente e que confere às instituições o certificado de excelência clínica e de gestão.

O processo de auditoria verifica documentos e registros, estrutura física, equipamentos, segurança e gestão de riscos, tendo como objetivo final a segurança do paciente. O Hospital deve ter protocolos gerenciados de diagnóstico e tratamento de pacientes e promover qualidade de vida, comprovando assistência médico-hospitalar de excelência, que visa redução de complicações e garantia de alta resolutividade, num processo que favoreça a todos os clientes, inclusive familiares, comunidade e convênios. A auditoria externa (DNV-GL) é isenta e atesta continuamente a confiança e a credibilidade da eficácia da assistência oferecida ao paciente pela instituição acreditada.

Classificação máxima em Acreditção Nacional 

Uma das metodologias de acreditação nacional de maior respeito é a certificação para acreditação ONA (Organização Nacional de Acreditação). O Hospital Monte Sinai obteve recomendação de classificação no nível 3 da Acreditação pela DNV, o mais alto grau na avaliação da qualidade dos serviços de saúde em 2005, e desde então, vem renovando sua certificação a cada dois anos. A ONA atesta a excelência da gestão, apurada a partir de indicadores de desempenho, estratégias e tendências. Em todo o país, apenas 350 hospitais são acreditados nos três níveis pelos critérios da ONA. O Monte Sinai foi a primeira instituição hospitalar de Minas Gerais a ser acreditada pela Oorganização, em 2003.

Norma ISO 9001:2015

O Sistema de Gestão da Qualidade do Hospital Monte Sinai é certificado ISO 9001:2015, pela empresa credenciada DNV-GL. O objetivo da renovação da certificação é a garantia ao mercado de que o gerenciamento do Sistema ocorre de maneira eficaz demonstrando compromisso com seus clientes. Além de pré-requisito para a busca de outras certificações internacionais, a norma ISO busca definições e garantias, como a seguir. 

O conceito de processos deve trazer algumas boas questões para que a organização possa estabelecer o conceito de melhoria contínua, tais como:

Neste sentido, os processos identificados pela organização devem ser no mínimo:

REDE SENTINELA

O Monte Sinai integra a Rede Sentinela da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) que é composta por unidades de saúde – chamadas de unidades sentinela – que identificam, investigam e notificam, casos de doenças, agravos e/ou acidentes. A cultura da Segurança do Paciente do Hospital, ajudam as equipes a trabalhar os protocolos assistenciais e incrementa programas como o Conselho Consultivo de pacientes, Walking Road e simulação realística. 

TOP QUALITY SENES PRIZE E TOP SUSTENTABILIDADE

O Prêmio Top Quality chega à sua 20ª edição e tem contado com o Monte Sinai desde sua criação, tendo sido o Hospital o primeiro cliente da MFC Consultoria e Educação Corporativa, responsável pela iniciativa e pela evolução das práticas reconhecidas no Sistema de Gestão da Qualidade com base no Programa 5S (SGQ:5S) em Juiz de Fora. 

O prêmio Senes (Sistema Estratégico de Qualidade e de Negócios Empresariais Sustentáveis) foi lançado pela MFC,  tendo como base comportamental o Programa 5S  e a gestão pautada em planejamento Estratégico para a visão de futuro, gestão da qualidade focalizando a felicidade e satisfação dos clientes, gestão ambiental, gestão da segurança e saúde ocupacional, gestão da responsabilidade social. O Monte Sinai tem este reconhecimento, desde o primeiro ciclo em que ele foi implantado . A categoria Prize significa a manutenção na categoria Senes por mais de dois ciclos. O Senes Prize é a premiação máxima nesta premiação. Já o Top Sustentabilidade exige que a organização apresente práticas direcionadas ao Sistema de Gestão Integrado, ou seja, que envolva Sistema da Qualidade, Programa 5s, Responsabilidade Socioambiental, Segurança e Saúde Ocupacional.

Outros reconhecimentos:

Rede Angels: a vida conta
O Monte Sinai está entre pouco mais de 80 hospitais brasileiros com o certificado que o integra à rede mundial Angels. O acidente vascular cerebral (AVC), segunda causa mais comum de morte no mundo, é uma emergência médica em que o tempo é vida. O protocolo de atendimento, no hospital, utiliza o aplicativo Join, cedido pelo projeto Angels e que ajuda a promover a redução do tempo de atendimento, interligando por celulares e tablets a equipe responsável pelo socorro do paciente assim que ele entra na Emergência.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

*

*